Festival 
Músicas Brasileiras
 
Todas as músicas deste site têm seus direitos autorais garantidos para seus autores e intérpretes e estão aqui apenas para avaliação e entretenimento, não sendo possível copiá-las. Nenhuma recompensa financeira é obtida pelo proprietário do site ou de quem aloca este espaço. Por favor apoie o artista e compre seu disco, se você gostar da música. Não será aceita qualquer responsabilidade legal pelo uso indevido destas páginas e suas músicas  por pessoas não autorizadas por quem de direito.
 
The full length songs on these sites are copyrighted by the respective artist and are placed here for entertainment and evaluation purposes. No profits are made for this site from their use. Please support these artists and purchase their music if you like it. I accept no legal liability for misuse by others of any of these selections as in regard to any and all copyrights which may or not be applied to any selection contained within these pages.
 
 
 
A Década de 50
 
 
Ele , no final da década de 50,
já mais liberal, mais boêmio
de terno  escuro e ainda conservando o hábito de usar um chapéu marrom
pede ao cantor da boate que ofereça a ela a interpretação de uma bela canção:
Hoje eu quero a rosa mais linda que houver
E a primeira estrela que vier
Para enfeitar a noite do meu bem
Hoje eu quero paz de criança dormindo
E o abandono das flores se abrindo
Para enfeitar a noite do meu bem
O romantismo imperou nesta década e por mais que nos esforcemos não conseguiremos retratar com palavras o que sentiu quem viveu intensamente a década de 50 onde ainda existia a "Pureza do Sentimento Chamado Amor"
Marilene
 


 

 

 

  Ninguém Me Ama( 1952)

Eu Sei Que Vou Te Amar (1958)

Saudosa Maloca ( 1955)

Chega de Saudade ( 1958 )

Conceição ( 1956)

Desafinado (1958)

Esse seu olhar(1959)

Iracema(1956)

Dindi (1959)

Ronda(1953)

Evocação nº1(1957)

Eu não existo sem você(1958)

A voz do morro (1955)

Café Soçaite(1955)

Fim de caso(1959)

É luxo só (1957)

Só em teus braços(1959)

Meus tempos de criança(1956)

Manhã de carnaval (1958)

Guarde a sandália dela (1958)

Me deixa em paz (1951)

Meu vício é você(1956)

Qui nem jiló(1950)

Risque (1952)

Folha morta(1950)

Nem eu (1952)

Esquecendo você(1959)

Cadeira vazia (1950)

Balada triste (1958)

Abandono (1955)

Canção da Volta(1955)

Suas mãos( 1958)

Pensando em ti (1957)

De cigarro em cigarro (1953)

A felicidade(1959)

Por toda a minha vida (1959)

  Barracão (1953)

  Escuta (1955)

Negro Telefone (1953)

Falsa Baiana (1957)

Pois é (1955)

 

  A Noite Do Meu Bem(1959)

Se Todos Fossem Iguais a Você (1957)

Castigo ( 1958)

Ouça ( 1957)

Lábios de Mel ( 1955)

Molambo  ( 1953 )

Estrela do Mar(1952)

Tereza da praia(1954)

Alguém como tu(1952)

Evocação nº2(1958)

E daí?(1959)

Chove lá fora(1957)

Olhos Verdes(1950)

Na Subida do morro(1952)

Meu mundo caiu(1958)

Sábado em Copacabana (1955)

Errei sim(1950)

Por causa de você (1957)

Escultura(1958)

Tudo acabado(1950)

Chalana (1950)

Orgulho(1953)

Caminhos cruzados(1958)

A volta do boêmio(1957)

Estrada do sol(1958)

Mocinho bonito(1956)

Madame fulano de tal(1958)

Vida de bailarina(1954)

Fósforo queimado(1953)

Estatutos da Gafieira(1954)

Ciclone (1954)

Bom dia tristeza ( 1957)

Mulata assanhada (1957)

Serenata do adeus (1958)

Ela disse-me assim (1959)

Pistom de gafieira(1959)

Lampião de gás (1958)

Atiraste uma pedra (1958)

Sabes mentir (1951)

Deixe que ela se vá (1958)

Olhe o tempo passando(1959)

 

A década de 50 foi marcada por grandes transformações na cultura musical brasileira : influência do pós-guerra, início da televisão com forte presença dos meios de comunicação, aumento da participação de intelectuais junto às bases populares da música brasileira, melhoria econômica da população e apelo nacionalista iniciado pelo governo de Getúlio Vargas.

As elites intelectuais brasileiras, principalmente no Rio de Janeiro, começaram a participar mais ativamente dos movimentos de música popular brasileira, onde até os anos 40 predominavam compositores de muita sensibilidade porém com pouca bagagem intelectual.

 Dessa maneira as músicas brasileiras passaram a ter mais atenção por parte da comunidade musical que as estrangeiras como boleros e tangos.

Nesse contexto nasceu a Bossa Nova, durante final da década de 50.

 Os principais artistas e compositores iniciadores da bossa nova foram :  Antonio Carlos Jobim, Vinicius de Moraes, João Gilberto, Carlos Lyra, Roberto Menescal, Ronaldo Bôscoli, Baden Powell, Luizinho Eça, os irmãos Castro Neves, Newtom Mendonça, Chico Feitosa, Durval Ferreira, Nara Leão, Sylvia Telles, Luis Carlos Vinhas, Johnny Alf e muitos outros. 

 Impossível precisar o início da Bossa Nova, mas admite-se que o lançamento em 1958 do LP Canção do Amor Demais com Elizeth Cardoso interpretando Chega de Saudades de Tom e Vinicius, entre outras, tenha sido o marco inicial da Bossa Nova; nesse LP João Gilberto surpreendeu a todos com sua nova batida de violão; foram experiências musicais de vários artistas, principalmente da turma que frequentava a casa de Nara Leão; admite-se a influência do jazz na batida da Bossa Nova.

Sucederam-se "Samba de uma nota só" de Tom e Newton Mendonça, "Desafinado", "Garota de Ipanema", "Só danço samba" estas últimas de Tom e Vinícius e muitas outras, marcando definitivamente a Bossa Nova como o grande movimento da moderna Música Popular Brasileira.

Dárcio

Música:Se todos fossem iguais a você

Arranjo e sequenciamento de JC.Capeto

Bibliografia consultada:


- ALBIN, Ricardo Cravo. O livro de ouro da MPB - A História de nossa música popular de sua origem até hoje. Rio de Janeiro : Ediouro, 2003.
- CABRAL, Sérgio. No tempo de Ary Barroso. Rio de Janeiro : Lumiar Editora, 1993.
- VASCONCELOS, Ary. Panorama da música popular brasileira. Rio de Janeiro : Martins, 1965.
- MÀXIMO, João e DIDIER, Carlos. Noel Rosa : Uma biografia. Brasília: Editora Universidade de Brasília, 1990.
- Enciclopédia da música popular, erudita e folclórica. São Paulo: Art Editora/Publifolha, 1998.
- SEVERIANO, Jairo e MELLO, Zuza Homem de. A canção no tempo. São Paulo : Editora 34, 1997.
- http://www.dicionariompb.com.br
- http://cifrantiga3.blogspot.com/
- http://cliquemusic.uol.com.br
http://www.boemio.com.br

 

Importante:
Resgatar e preservar as músicas populares brasileiras é nosso objetivo. Através da internet estamos propiciando a todas as pessoas, em qualquer lugar do mundo, o acesso às belíssimas músicas, muitas delas relegadas ao esquecimento.
Música Popular Brasileira é um dos aspectos mais ricos e importantes da cultura brasileira, retratando costumes, idéias e valores de cada época.
Nosso único compromisso é com os compositores, cantores e suas obras.
Não temos nenhum objetivo comercial e financeiro; as imagens, músicas e suas  letras  são obtidos nos diversos sites da  internet; nosso trabalho é puramente de pesquisa e a seleção das músicas são escolhidas e  julgadas por nós as mais significativas em cada década.
Numa primeira etapa incluímos algumas composições em suas respectivas décadas de lançamento, mas pretendemos continuar incluindo outras músicas porventura ainda não incluídas, num trabalho contínuo e de longo prazo.