ESTE É O NOSSO BRASIL!!!

O BRASIL DOS BRASILEIROS!!!

O meu o seu e o nosso Brasil que tem  ALEGRIA,ESPERANÇA E CERTEZA que um dia será o maior país do planeta em harmonia, solidariedade e amor .

Marilene Laurelli Cypriano

 
 
 
 
BRASILEIRINHO
 
Não colocamos  nesta formatação os nossos tesouros que são:  
A Fauna e a Flora Brasileira, mas sim
fotos da capital do Brasil: Brasília
e de todas as capitais dos 26 estados do Brasil numa
 área de 8.547.403,5 km2  
e uma Costa de 7.408 km
 para que os próprios brasileiros e os estrangeiros as conheçam e tenham vontade de vê-las 
 " in loco" .
Os estados do Brasil agradecem a sua visita para breve
 
 
 
 
 
 
 
 
 

   

 

Brasileirinho

(1949)

 

Autoria :

Música :Waldir Azevedo
Letra: Pereira da Costa

Interpretação: Ademilde Fonseca
 

 

"Brasileirinho" foi e continua sendo um

dos choros mais executados e de maior

sucesso da MPB. Composto pelo grande

músico

Waldyr Azevedo, ainda no começo

de sua brilhante carreira, iniciada em

1940 com a montagem de um conjunto

regional passando a se apresentar em

programas de calouros em busca de

sucesso e de algum dinheiro; em 1942 foi

vencedor de dois concursos de calouros nas

rádios Cruzeiro do Sul e Guanabara,

quando recebeu nota máxima pela

interpretação do choro "Camburá" de

Pascoal de Barros.

Foi em seguida contratado pela Rádio Guanabara e
em 1943 passou a atuar

profissionalmente no conjunto de

 Cesar Moreno; mas Waldir tinha sonhos

maiores, tanto que conquistou uma vaga

no conjunto do famoso

violonista Dilermando Reis e algum tempo

depois Dilermando o nomeou lider do

conjunto; em 1949 quando trabalhava na

Rádio Clube, que ficava no mesmo prédio

da gravadora Continental, foi ouvido pelo

diretor artístico da gravadora, o

compositor Braguinha


(Carlos Alberto Ferreira Braga apelidado João de Barro)

que o convidou a gravar: foi portanto

Braguinha quem deu a primeira

oportunidade para Waldir Azevedo gravar

um disco, o que naquela época era indício

de sucesso; assim em sua primeira

gravação Waldir e seu conjunto gravaram

os choros de sua autoria "Carioquinha" e

"Brasileirinho". Pouco tempo depois o

mesmo conjunto de Waldir acompanhou



Ademilde Fonseca cantando o mesmo "Brasileirinho"

com letra de Pereira Costa; esta gravação de Ademilde

 constituiu-se num sucesso tão grande que Ademilde passou

 cantar e gravar somente choros.

Waldir Azevedo continuou sua brilhante

carreira como instrumentista

(cavaquinho) e chefe de conjunto,

excursionando pelo Brasil e diversos

países das Américas e Europa;


 Foi o maior divulgador do choro executado por

conjunto regional;Entre seus sucessos

como compositor há o baião "Delicado"

gravado por dezenas de intérpretes, sendo

a gravação de Percy Faith e sua

orquestra nos Estados Unidos a de maior

sucesso de público, tendo vendido mais de

um milhão de cópias, o que para a época

foi um enorme feito, principalmente por

ser música brasileira nos Estados Unidos.

Foi um dos instrumentistas mais

importantes da MPB, tendo sido também

excelente compositor: Brasileirinho,

Delicado, Carioquinha, Madrigal, Amigos do Samba,

Para Dançar, Nosso Amor, Contando Tempo e muitas

outras. Gravou na Continental um total de

38 discos 78 rpm, fato raro para

gravações apenas musicais sem cantorias.

Teve sua biografia lançada em 2000 pelos

jornalistas Sérgio Cabral e

 Eulícia Esteves;

o chorinho "Brasileirinho" voltou

a ter sucesso internacional por ter sido a

música escolhida pela ginasta Daiane dos

Santos nas Olimpíadas de Atenas em

2004.

Waldir Azevedo faleceu em 1980 aos 77

anos, tendo deixado extensa e profícua

obra musical.

Dárcio Fragoso



Brasileirinho
Choro 1949

Música :Waldir Azevedo
Letra: Pereira da Costa

Interpretação: Ademilde Fonseca

 
 
O brasileiro, quando é do choro
É entusiasmado
Quando cai no samba
Não fica abafado
E é um desacato
Quando chega no salão


O brasileiro, quando é do choro
É entusiasmado
Quando cai no samba
Não fica abafado
E é um desacato
Quando chega no salão


Não há quem possa resistir
Quando o chorinho brasileiro faz sentir
Ainda mais de cavaquinho
Ou um pandeiro
E um violão na marcação.


Não há quem possa resistir
Quando o chorinho brasileiro faz sentir
Ainda mais de cavaquinho
Ou um pandeiro
E um violão na marcação


Brasileirinho chegou, a coisa apimentou
Com todo mundo a dançar
A noite inteira no terreiro
Até o sol raiar


Quando o baile terminou
A turma não se conformou
Brasileirinho abafou
Até um velho que já andava encostado


Nesse dia se acabou
Pra falar a verdade
Estava conversando
Com alguém de respeito


Rebolei com jeito
E deixei o camarada
Falando sozinho
Gostei, pulei, dancei, gritei, até me acabei,
E nunca mais esquecerei
O tal chorinho, brasileirinho.
 
O brasileiro, quando é do choro
É entusiasmado
Quando cai no samba
Não fica abafado
E é um desacato
Quando chega no salão
 

O brasileiro, quando é do choro
É entusiasmado
Quando cai no samba
Não fica abafado
E é um desacato
Quando chega no salão


Não há quem possa resistir
Quando o chorinho brasileiro faz sentir
Ainda mais de cavaquinho
Ou um pandeiro
E um violão na marcação.


Não há quem possa resistir
Quando o chorinho brasileiro faz sentir
Ainda mais de cavaquinho
Ou um pandeiro
E um violão na marcação.
 


Música: Brasileirinho
Autoria :Waldir Azevedo
e
Pereira da Costa
Interpretação: Ademilde Fonseca

 Pesquisas e história por Dárcio Fragoso
Projeto, Edição e Formatação por
Marilene Laurelli Cypriano
Para enviar a um amigo clique no coração
e siga as instruções



|PrincipalMenu| Fale comigo | Voltar |
Direitos autorais registrados
Página melhor visualizada
em Internet Explorer 4.0 ou Superior
1024 x 768

Agora!!! vamos
continuar
nossa viagem pelo
Brasil?

Importante:

Resgatar e preservar as músicas populares brasileiras é nosso objetivo. Através da internet estamos propiciando a todas as pessoas, em qualquer lugar do mundo, o acesso às belíssimas músicas, muitas delas relegadas ao esquecimento.Música Popular Brasileira é um dos aspectos mais ricos e importantes da cultura brasileira, retratando costumes, idéias e valores de cada época.Nosso único compromisso é com os compositores, cantores e suas obras.

Não temos nenhum objetivo comercial e financeiro; as imagens, músicas e suas  letras  são obtidos nos diversos sites da  internet; nosso trabalho é puramente de pesquisa e a seleção das músicas são escolhidas e  julgadas por nós as mais significativas em cada década.

Numa primeira etapa incluímos algumas composições em suas respectivas décadas de lançamento, mas pretendemos continuar incluindo outras músicas porventura ainda não incluídas, num trabalho contínuo e de longo prazo.

Página melhor visualizada
em Internet Explorer 4.0 ou Superior
1024 x 768

The full length songs on these sites are copyrighted by the respective artist and are placed here for entertainment and evaluation purposes. No profits are made for this site from their use. Please support these artists and purchase their music if you like it. I accept no legal liability for misuse by others of any of these selections as in regard to any and all copyrights which may or not be applied to any selection contained within these pages.

Todas as músicas deste site têm seus direitos autorais garantidos para seus autores e intérpretes e estão aqui apenas para avaliação e entretenimento, não sendo possível copiá-las. Nenhuma recompensa financeira é obtida pelo proprietário do site ou de quem aloca este espaço. Por favor apoie o artista e compre seu disco, se você gostar da música. Não será aceita qualquer responsabilidade legal pelo uso indevido destas páginas e suas músicas  por pessoas não autorizadas por quem de direito.